Alimentos de Outono: Castanhas



Pela sua riqueza em hidratos de carbono, a castanha constitui uma excelente fonte de energia.
Pela sua riqueza em hidratos de carbono, a castanha constitui uma excelente fonte de energia.


Tal como a grande maioria dos seus familiares, os frutos gordos e amiláceos (noz, avelã, amêndoa, amendoim, etc), a castanha é um alimento tipicamente outonal. O que o torna diferente é, sem dúvida a sua composição nutricional. É menos calórica que os restantes frutos gordos e amiláceos, já que o seu teor em gordura é significativamente inferior, no entanto, apresenta um teor superior em hidratos de carbono.









Tabela de composição nutricional (por 100g de porção edível)
mg = miligramas; μg = microgramas. Porção Edível = diz respeito ao peso do alimento que é consumido depois de rejeitados todos os desperdícios. Vitamina A = como equivalentes de retinol. Fonte: Porto A, Oliveira L. Tabela da Composição de Alimentos. Lisboa: Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge. 2006, pág. 100-101.





Em culinária, é um alimento muito versátil, podendo ser consumida apenas cozida ou assada, mas também, utilizada como acompanhamento de pratos (castanhas assadas, cozidas ou em puré), em base para sopas, na confecção de molhos e até mesmo em sobremesas e bolos.
Ao contrário da maioria dos frutos, não é comum, consumir-se castanha crua pela sua grande adstringência e dureza.




- Como comprar e conservar:

No momento da compra, deve ter-se particular cuidado na observação do estado da sua pele, que deve ser bem brilhante e intacta (sem cortes ou gretas). Para conservar em casa, devem ser guardadas em local fresco e seco. É importante que não sejam comprimidas, devendo estar separadas entre si, tanto quanto possível para que não fiquem moídas. Tanto cruas como assadas, as castanhas podem perfeitamente conservar-se num congelador durante cerca de 6 meses.






Sugestão: Bacalhau com castanhas

Fácil – 50 minutos – 4 pessoas

Ingredientes:
- 4 postas de bacalhau demolhado
- 400 gr de castanhas cozidas
- 2 cebolas
- 2 dentes de alho
- 1,5 dl de azeite
- 1 folha de louro
- 1 courgette
Sal e pimenta q.b.


Preparação: 

1 – Ligue o forno a 190º. 

Coloque o bacalhau num tabuleiro; junte-lhe as castanhas. Descasque as cebolas e os dentes de alho. Corte as primeiras em meias-luas e lamine os dentes de alho. Junte tudo ao bacalhau., temperando com sal e pimenta. Regue com o azeite e junte a folha de louro.



2 – Leve ao forno durante 25 minutos. De vez em quando regue com o próprio molho. Corte a courgette em quartos e coza-a. Escorra; tempere com sal, pimenta e junte ao bacalhau, a cinco minutos do fim. Retire do forno, rectifique os temperos e sirva de imediato.